Connect with us

Politica

Especialistas destacam impacto do 25 de Abril na conquista da independência das colónias portuguesas

Published

on

O Presidente da República, João Lourenço, participa, hoje, em Lisboa, a convite do homólogo português, Marcelo Rebelo de Sousa, no acto central das comemorações do 50.° Aniversário da Revolução dos Cravos, que marcou o fim da ditadura fascista e a instauração da democracia em Portugal.

Entretanto, o presidente português Marcelo Rebelo de Sousa afirmou que Portugal assume total responsabilidade pelos crimes cometidos no passado colonial.

O chefe de Estado português declarou que esses crimes tiveram custos, os quais Portugal tem que enfrentar e diz ser necessário avaliar como será possível reparar acções que não foram punidas, responsáveis que não foram presos, e bens que foram saqueados e não devolvidos.

Por sua vez, chamado a comentar o assunto, o historiador Celestino Máquina, destaca a importância do 25 de Abril para as colónias portuguesas em África e sublinha que os males resultantes da colonização portuguesa, “são difíceis de serem pagos”.

Celestino Máquina afirma, por outro lado, que apesar das vicissitudes que o nosso país viveu, “o povo angolano precisa aprender com Portugal aspectos ligados a democracia”.

Para o politólogo Luís Paulo Ndala, Portugal continua a ser parceiro de Angola, e destaca o papel que alguns portugueses desempenharam para o alcance da independência angolana.

Ouça as declarações na íntegra, no Jornal da Tarde, da Rádio Correio da Kianda.

Formado em radiojornalismo, com passagem por órgãos de comunicação social públicos e privados. Possui formação internacional em Comunicação e Multimedia. Estudante do curso superior de Gestão/Comunicação e Marketing.

Colunistas