Connect with us

Sociedade

Viana: moradores da CAOP preocupados com ravina que ameaça engolir suas residências

Published

on

Os moradores do bairro CAOP, no Município de Viana, em Luanda, mostram-se preocupados com estado da ravina que ameaça engolir as suas residências.

A preocupação dos moradores daquela localidade aumenta agora que já chegou a época chuvosa e que pode acelerar o ritmo de progressão da ravina, que tem dificultado a circulação de pessoas e bens na ligação do município de Viana com Cacuaco.

Para a senhora Mariana António, que vive na proximidade da ravina, a situação é uma constante preocupação, pelo facto de representar maior perigo.

“As vezes ficamos com receio das crianças quando vamos trabalhar, e principalmente, às 18h ficamos ainda mais aflito de como mandar uma criança na rua”, afirmou.

Outro perigo da vala causada pela erosão da terra no local, é, segundo esta moradora, o risco de assaltos, “porque muitas das vezes pode estar lá pessoa que pode nos fazer mal, e com surgimento da chuva vai ainda piorar, sobre tudo as crianças que não vão conseguir brincar e nem ir à escola a vontade”.

“Nós não estamos a viver bem e ainda com coração na mão”, lamentou.

Padrinho Pilartes, outro morador da zona, disse que a ravina tem dificultado a mobilidade no bairro, tendo acrescentado que última época chuvosa, “várias pessoas já foram arrastadas pela correnteza da água da chuva”.

O jovem pede por outro lado, ainda que os responsáveis da Administração visitassem a zona para “resolver a situação desta vala, de forma urgente”.

Entretanto, num comunicado do dia 15 de Maço do ano passado, a Administração Municipal de Viana, tinha anunciado a colocação da ponte e sublinhava na altura que a mesma garantiria maior segurança na circulação de pessoas e bens bem como inibir os assaltos que são recorrentes na referida vala.