Connect with us

Sociedade

Universidades angolanas na lista global dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável

Published

on

Duas universalidades públicas angolanas estão no ranking de impacto da Times higher Education, numa lista de mais de 100 instituições de ensino superior do mundo, pelo seu contributo para os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável.

Tratam-se das Universidades Katyavala Bwila, sediada em Benguela, e Rainha Nginga Mbandi, de Malanje, que se classificaram no ranking da organização.

O ranking de impacto serve para avaliar em que medida as universidades contribuem para os 17 Objectivos de Desenvolvimento Sustentável, permitindo que estas reajustem os seus planos, as suas estratégias e a sua missão.

A presença destas duas universidades angolanas no ranking de impacto, de acordo com um comunicado do Ministério do Ensino Superior Ciência, Tecnologia e Inovação, demonstra que é possível o desenvolvimento de qualidade das instituições Angolanas e a sua melhoria contínua, sendo o autoconhecimento, a auto-avaliação e a divulgação das evidências da sua actividade os primeiros critérios para sua valorização.

Entre os critérios usado pela prestigiada organização global para a distinção das Universidades, constam a qualidade da educação, o cumprimento das políticas de igualdade de gênero, a inovação, acção climática e as parcerias para a realização dos objectivos, visando as metas.

“Este reconhecimento internacional reflecte o empenho e a dedicação das nossas instituições em melhorar a qualidade do ensino e a necessidade de influenciar positivamente as comunidades onde estão inseridas”, refere o comunicado a que o Correio da Kianda teve acesso, que sublinha, por outro lado, que sinaliza o alinhamento indispensável com as melhores práticas globais e a contribuição destas para o desenvolvimento sustentável do país.

O ministério acrescenta, igualmente, que as duas universalidades públicas “têm demonstrado excelência em diversas áreas, incluindo investigação, inovação e impacto social, constituindo-se em exemplo para as demais instituições de ensino superior nacionais”.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *