Connect with us

Politica

UNITA traça estratégias para autarquias

Published

on

O vice-presidente do grupo parlamentar da UNITA, José Pedro Kachiungo, disse este fim-de-semana, em Menongue, capital do Cuando Cubango, constituir uma das maiores ambições desta formação política a sua transformação, até 2022, num instrumento de cidadania, com uma participação bastante activa no processo das autarquias.

O político fez esta promessa quando falava no acto de massas que marcou o encerramento de um seminário de refrescamento de militantes, que teve a duração de 14 dias, onde participaram 305 membros, no âmbito das eleições de 2022.

Este processo, argumentou, atinge o seu auge no âmbito das eleições autárquicas, “que constituem a expressão mais directa e prática da democracia, no que diz respeito a uma governação de povo para o povo”.

Considerou que as eleições autárquicas, quando tiverem lugar, irão conferir uma dignidade aos munícipes, porquanto eles próprios vão concorrer para resolver os problemas do município onde vive.

Na ocasião, defendeu a necessidade dos jovens apostarem na formação académica, no sentido de contribuírem para uma sociedade capaz de salvar os seus direitos, bem como a investigarem melhor a história do país com a consciência patriótica de fazer um país melhor.

Sobre o seminário, apelou aos seminaristas para porem em prática tudo quanto aprenderam durante a formação, para que esta acção sirva como “uma grande sementeira para o partido, bem como um grande investimento para o Cuando Cubango”.

No encerramento, foram empossados o secretário provincial adjunto do partido, Joaquim Nacatina Sapondo, e o secretário provincial para organização do partido, Evarildo Manuel Tchipema.

Durante o seminário foram abordados temas como, as linhas políticas do partido, questões do poder local, organização partidária política, mobilização política, entre outros temas.de”.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *