Connect with us

Partidos Politicos

UNITA acusada de estar a imiscuir-se na vida interna do partido no poder em Angola: “A UNITA não tem lições a dar”

Published

on

“Maior estranheza não poderia haver, quando um partido que se diz democrático, não só se manifesta contra a reflexão que se pretende fazer, como se imiscui, com infundadas especulações, na vida interna de outro partido a quem não tem lições a dar”,

Foi nestes termos, que o MPLA reagiu neste sábado, 29, os pronunciamentos feito pela Unita, da sua discordância da proposta para uma nova divisão administrativa anunciada recentemente pelo partido que suporta o governo, que no entender do maior partido na oposição, a pretensão de dividir a capital do País em duas, trará inúmeras dificuldades.

Em comunicado, o grupo parlamentar do MPLA diz que quanto ao modelo de organização político-administrativo da província de Luanda, matéria, segundo refere, ser seguramente do interesse de todos os  angolanos e, particularmente dos residente da província de Luanda, considera ser pertinente promover esta reflexão,  tendo em conta os desafios que a província tem, particularmente devido a sua crescente densidade populacional, e as exigências dela decorrentes,  para a prestação de serviços de qualidade e a satisfação das necessidades das populações.

O partido no poder, considera a reação da UNITA de confusa, e diz no seu comunicado,  que no quadro do exercício dos direitos que a lei lhe confere, irá apresentar á Assembleia Nacional, as suas propostas quanto a organização político-administrativa da província de Luanda, aguardando a contribuição de todos os deputados num espirito de democrático,  e de pluralismo de opinião.

Diz ainda o MPLA em comunicado, que apear da estranheza, a reação do grupo parlamenta da Unita não constitui novidade, considerando ser prática deste partido, promover confusão na opinião pública, com vista a facilitar os seus intentos de fomentar a instabilidade.