Connect with us

Sociedade

Uíge: detidos burladores que utilizavam redes sociais para obterem dados bancários

Published

on

O Serviço de Investigação Criminal no Uíge, mediante uma denúncia, deteve três cidadãos com idades compreendidas entre os 38 e 50 anos, quando pretendiam comercializar de forma ilícita três supostas pedras de diamante.

Referir que depois de uma perícia criminal, apurou-se que os cidadãos, ora detidos, fazem parte de uma rede de burladores, tendo como modus operandi, a publicação nas redes sociais, por ligações telefónicas e envio de mensagens em determinados números de populares sobre pretexto de actualização de cartões multicaixas, com intuito de obter dados de contas bancárias que facilitam a sua posterior movimentação, defraudando as vítimas.

Importa realçar, que um dos acusados, depois de detido, tentou corromper um dos efectivos do SIC, com 44 mil kwanzas para se escapar da responsabilização criminal, mas sem sucesso.

Foram também apreendidos três supostas pedras de diamante, 44 mil kwanzas e um telemóvel que se encontravam em posse dos infractores.

Salientar que os suspeitos, já foram presentes ao Ministério Público para os procedimentos legais que se impõe. O SIC continua com diligências para a detenção de mais membros desta grupo.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Colunistas