Connect with us

Lusofonia

Tribunal Supremo de Moçambique mantém ex-embaixadora em Angola na prisão

Published

on

O Tribunal Supremo de Moçambique negou o pedido de habeas corpus apresentada pela defesa da antiga ministra do Trabalho, Helena Taipo, detida há quatro meses por corrupção.

A informação foi avançada neste sábado, 3, pelo jornal Notícias, que cita fontes do processo, mas não detalha as razões da decisão.

Helena Taipo, também antiga embaixadora em Angola, é acusada num processo de corrupção de se ter beneficiado ilicitamente de dinheiro proveniente do Instituto Nacional de Segurança Social, no valor de 100 milhões de meticais (cerca de 1,6 milhões de dólares) de empresas da construção civil e gráficas.

Ela foi detida a 18 de Abril e no processo estão também presas cinco pessoas.

Taipo vai aguardar, por agora, o julgamento na prisão.

Antes da prisão, ela foi exonerada do cargo de embaixadora em Angola pelo Presidente Filipe Nyusi.

 

C/ VOA

 

 

Tribunal Supremo de Moçambique mantém ex-embaixadora em Angola na prisão