Connect with us

Mundo

Temer defende-se: Gravações foram “manipuladas e adulteradas”

Published

on

Michel Temer falou ao país pela segunda vez no espaço de dois dias. O presidente brasileiro anunciou que o governo vai entrar com pedido de petição para suspender inquérito e verificar gravação “clandestina”. O líder brasileiro disse que a gravação “foi manipulada e adulterada com motivos subterrâneos” para prejudicar o seu governo e o país.

Michel Temer destacou as “incoerências no áudio da gravação” e diz que empresário Joesley Batista lucrou “milhões e milhões de dólares em menos de 24 horas” com a especulação em torno da moeda brasileira.

“Continuarem à frente do Governo”, reiterou Temer, face à acusação formal dos crimes de corrupção, obstrução à justiça e organização criminosa.

 O líder viu-se envolvido num escândalo de corrupção depois de ter sido divulgada uma gravação onde autoriza o suborno a Eduardo Cunha, o ex-líder da Câmara dos Deputados no Brasil, e que foi preso na sequência da Operação Lava Jato. Nas ruas continuam os pedidos de ‘impeachment’ e as críticas ao estado da política brasileira.

 

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *