Connect with us

Sociedade

Taxistas que encurtarem rotas serão punidos, garante ANATA

Published

on

Teve início esta segunda-feira, 03, a campanha de consciencialização promovida pelo Governo Provincial de Luanda e a associação dos taxistas, com objectivo de combater o encurtamento de rotas e a especulação de preços.

De acordo com o presidente da Nova Aliança dos Taxistas de Angola (ANATA) “quem não cumprir será responsabilizado criminalmente”.

Francisco Paciente entende que o encurtamento das rotas está a causar grande insatisfação por parte dos usuários devido aos custos adicionais.

Segundo a Polícia Nacional, o controlo aos taxistas será rigoroso por se estar a registar um desrespeito às regras, desde que foi anunciado o aumento do preço de táxi, e “os incumpridores serão julgados sumariamente, multados e verão as suas viaturas apreendidas”.

Segundo uma nota da Agência Nacional dos Transportes Terrestres, a corrida de táxi, numa distância de até 16 quilómetros, está a custar 200 kwanzas.

A tarifa dos transportes públicos colectivos de passageiros (autocarros) passou, em todas as rotas da província de Luanda, para 150 kwanzas, numa extensão mínima de 20 quilómetros.

Continue Reading
1 Comment

1 Comment

  1. Amílcar Bernardo De Sá Nogueira

    03/06/2024 at 5:19 pm

    A questão que não cala: Quem fiscaliza???
    Sabemos que o limite de kilometragem não é aplicado.
    Mais um rol de alegados procedimentos que ninguém irá cumprir e assim será sem qualquer punição.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *