Connect with us

Desporto

Taça chan: angola em busca de um ponto contra congo

Published

on

As seleções de Angola e do Congo defrontam-se num jogo onde os ‘Palancas Negras’ precisam apenas do empate para se qualificarem para os quartos-de-final da TAÇA CHAN que decorre em Marrocos.

O combinado angolano está neste momento em segundo lugar, com quatro pontos, menos dois que o líder Congo. Em caso de igualdade somaria cinco, pontuação inalcançável pelo Burkina Faso, que tem apenas um. Os Camarões, já fora da próxima fase, ainda não pontuaram.

A contar para a terceira e última jornada do grupo D, os angolanos vão para esta partida confiantes, em função dos resultados moralizadores nas rondas anteriores, onde empataram com os burkinabes (0-0) e venceram os camaroneses (1-0).

Embora o adversário esteja já apurado, a tarefa não se avizinha fácil, porque os congoleses, com certeza, vão querer se manter invictos na prova, elevando ainda mais os níveis dos seus jogadores para a fase a eliminar.

Os Diabos Vermelhos (designação da seleção do Congo) estão com uma performance invejável, sendo que em dois jogos conquistaram o mesmo número de vitórias. Começaram por derrotar os Camarões, por 1-0, e depois o Burquina Faso, por 2-0.

Já os Palancas Negras estão próximos de superar a participação da edição passada, no Rwanda2016, onde não passaram da fase de grupos, e irem atrás da melhor marca já registada nesta prova, no Sudão2011, onde foram vice-campeões.

Os pupilos de Srdjan Vaseljevic até têm tarefa, teoricamente, facilitada, em função do saldo positivo de um que possuem, contra menos dois do seu oponente direto na luta para a outra vaga do grupo (Burkina Faso). O que pressupõe dizer é que Angola até pode perder o último encontro por margem mínima de 0-1, desde que os burkinabes não vençam os camaroneses por 2-0.  Aí sim, as duas equipas teriam saldo nulo, mas com vantagem para o adversário que passaria a ter mais golos: dois contra um.

Angola e Congo jogam pela primeira vez numa fase final do CHAN (competição reservada a futebolistas que atuam nos seus países), mas no historial já mediram forças por 13 vezes, com três triunfos para os angolanos contra quatro dos congoleses, além de seis empates. A última vez que jogaram foi em 2012, com empate a um golo.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *