Connect with us

Sociedade

Suspenso juiz que arrendou residência de função

Published

on

O Conselho Superior da Magistratura Judicial suspendeu o Juiz Desembargador João António Francisco por, segundo o documento a qual o Correio da Kianda teve acesso, conduta inapropriada.

Em causa, segundo denúncias, está o facto do juiz ter arrendado a residência de função, a que o “Ministério das Finanças ordenou a desafectação do imóvel”.

O CSMJ diz que a acção resulta do inquérito mandado instaurar pelo Conselho, em sessão do órgão de Gestão e Disciplina dos Magistrados Judiciais, realizada a 17 de Janeiro.

Colunistas