Connect with us

Destaque

Surtos de desmaios afectam alunos de várias escolas na província de Bié

Published

on

Surtos de desmaios estão a afectar vários alunos de escolas primárias e secundárias da cidade do Cuito, província do Bié, centro de Angola, fenómeno que obrigou à paralisação das aulas, enquanto as autoridades apelam à calma.

Esta situação, que se verifica desde segunda-feira, levou o governador da província, Boavida Neto, a pronunciar-se para tranquilizar pais e encarregados de educação, informando que as autoridades governamentais estão a trabalhar junto das direcções de saúde e educação, o Serviço de Investigação Criminal para aferir as causas dos desmaios.

 Boavida Neto, citado pela agência noticiosa angolana, exortou pais e encarregados de educação a sensibilizarem os filhos para o regresso às aulas, quando forem chamados, o que deverá acontecer brevemente.

O fenómeno afectou as escolas de Formação Técnica de Saúde, 4 de Abril, as escolas do II ciclo do ensino secundário “Rei Ndunduma” e do I ciclo do ensino secundário “Manguxi”, não tendo sido avançado o número de crianças afectadas.

A intervenção do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros, do Instituto de Emergências Médicas de Angola (INEMA) e do Serviço de Investigação Criminal permitiu o transporte dos alunos para o Hospital Geral do Bié, para os primeiros socorros.

O surto de desmaios em escolas regista-se em Angola desde 2011, altura em que se notificou, pela primeira vez, este fenómeno em escolas de Luanda, situação que se multiplicou por outras províncias do país, nomeadamente Cabinda, Cunene, Namibe, Uíge, Huíla, Huambo, Lunda Sul.

Em 2011, o Presidente angolano, José Eduardo dos Santos, chegou a criar uma comissão multissetorial para investigar as centenas de desmaios coletivos, mas as causas deste fenómeno continuam a ser uma incógnita.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas