Connect with us

Sociedade

Subsídio de isolamento começa ser pago no primeiro trimestre de 2024

Published

on

Os funcionários públicos e agentes administrativos colocados em zonas de difícil acesso e desprovidos de ofertas de bens e serviços essenciais, como de telecomunicações, bancos e transportes, vão passar a beneficiar, a partir deste ano, em todo o país, de subsídios de isolamento.

Segundo o Director Nacional do Trabalho, António Stote, o subsídio de isolamento começa a ser pago no primeiro trimestre de 2024.

De acordo com o gestor, beneficiarão, igualmente, de instalação, de renda de casa, de preferência na mobilidade do cônjuge, acesso à habitação, entre outros benefícios a serem atribuídos pelo Estado.

De recordar que no final de Dezembro passado, o Sindicato Nacional dos Professores (SINPROF) apelou ao Executivo angolano celeridade na efectivação dos subsídios de isolamento da classe.

Trata-se de um pacote de subsídios e incentivos já aprovados pelo Governo angolano, desde Fevereiro do ano anterior, com o objectivo de mitigar as dificuldades dos professores que trabalham em zonas recônditas do país, porém, ainda não implementados.

Jornalista multimédia com quase 15 anos de carreira, como repórter, locutor e editor, tratando matérias de índole socioeconómico, cultural e político é o único jornalista angolano eleito entre os 100 “Heróis da Informação” do mundo, pela organização Repórteres Sem Fronteira. Licenciado em Direito, na especialidade Jurídico-Forense, foi ainda editor-chefe e Director Geral da Rádio Despertar.