Connect with us

Desporto

Sonho da Champions esvanece: Benfica perde com o United na Luz

Published

on

Num jogo de caráter decisivo, Rui Vitória quis surpreender. A tática apresentada esta noite foi um 4x3x3, em que o técnico encarnado apostou num miolo bem composto – com Fejsa, Pizzi e Filipe Augusto. Além disso, o menino Svilar, de apenas 18 anos, também foi aposta e tornou-se no guarda-redes mais jovem de sempre a atuar na Liga dos Campeões.

Mas passemos ao jogo em concreto. A equipa encarnada entrou com atitude. Com a consciência de que era preciso uma vitória e ‘empurrados’ pelos adeptos que apoiaram constantemente, os comandados de Rui Vitória entraram à procura de oportunidades de golo.

Porém… Não foi fácil e a culpa foi do Manchester United. O colosso inglês ocupou bem os espaços e deu pouca margem de manobra ao ataque benfiquista.

A formação orientada por José Mourinho jogou claramente no erro da equipa da Luz e, embora tenham estado mais atentos às tarefas defensivas na primeira metade da 1.ª parte, no restante primeiro tempo os red devils ‘despertaram’ e causaram algum desconforto à defesa das águias.

A primeira parte acabou por ser pautada pelo equilíbrio e pelo nulo que se manteve até ao recolher dos balneários. No segundo tempo, o jogo foi diferente e houve mais Manchester United.

Depois da histórica estreia… o tão indesejado erro

A equipa de Mourinho subiu no terreno e começou a ocupar o meio-campo encarnado até chegar ao golo. Aos 65 minutos, o jovem Svilar errou e, num livre cobrado por Rashford, acabou por deixar entrar a bola na baliza encarnada. Uma estreia que, com certeza, o menino belga de 18 anos não desejaria…

O Benfica fez, depois, o seu trabalho e foi em busca do golo que daria o empate. No entanto ele não chegou. Apesar do esforço encarnado, a verdade é que David De Gea nem se teve de preocupar muito, porque as oportunidades criadas pelo Benfica nunca levaram grande perigo à baliza dos ingleses.

O resultado final foi mesmo o 0-1, o que coloca o Benfica numa situação delicadíssima na Liga dos Campeões. Ao fim de três jogos, a formação orientada por Rui Vitória não tem qualquer ponto no Grupo A. Ou seja, os encarnados estão quase com um pé fora da Champions. Já o Manchester United soma e segue. Três jogos, três vitórias para os pupilos de José Mourinho.

Momento do jogo: Inevitavelmente, Svilar foi a figura deste jogo. Estreou-se na Liga dos Campeões e acusou o facto de se tornar o mais jovem guarda-redes de sempre a jogar na competição. Aos 66 minutos, o golo de Rashford foi culpa sua e isso saiu caro à formação das águias.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *