Connect with us

Sociedade

SINPROF protesta esta quarta-feira contra agressões à professores

Published

on

O Sindicato Nacional de Professores convocou a realização de marchas de repúdio em todo o país, nesta quarta-feira, 22, em protesto contra actos de agressão perpetrados, em alguns casos, por alunos e outros por encarregados de educação.

A convocatória da presidência do SINPROF aos secretariados provinciais escolheu a data consagrada ao professor em Angola, 22 de Novembro, para a realização dos protestos.

O secretário provincial de Luanda do Sindicato, Fernando Laureano, referiu que na capital angolana o acto se vai realizar no sábado em respeito à lei de reunião e manifestação, salientando que a preocupação é maior em Luanda.

Em declarações, o sindicalista disse que esses actos estão a tomar corpo e são verificados em quase todas as escolas da província de Luanda.

De recordar, que na semana passada, uma cidadã de 57 anos foi condenada pelo Tribunal do Benfica ao pagamento de uma indemnização de um milhão e cem kwanzas, por ter agredido uma professora em companhia de mais três familiares, na Centralidade do Kilamba.

Jornalista multimédia com quase 15 anos de carreira, como repórter, locutor e editor, tratando matérias de índole socioeconómico, cultural e político é o único jornalista angolano eleito entre os 100 “Heróis da Informação” do mundo, pela organização Repórteres Sem Fronteira. Licenciado em Direito, na especialidade Jurídico-Forense, foi ainda editor-chefe e Director Geral da Rádio Despertar.