Connect with us

Sociedade

SIC desmantela duas redes de falsificadores de dólares norte-americano

Published

on

O Serviço de Investigação Criminal (SIC) desmantelou, recentemente, em Cacuaco, duas redes de falsificadores de dólares dos Estados Unidos da América.

Segundo o porta-voz do SIC, Manuel Halaiwa, em posse dos falsificadores foram encontrados cerca de cinco milhões de dólares falsos, prontos para serem introduzidos no mercado financeiro formal e informal.

No acto de apresentação, de acordo com o porta-voz do SIC, as duas redes de falsificadores de dólares, disseram que um dos grupos é composto por onze indivíduos, dos quais duas senhoras, com idades compreendidas entre os 31 e os 59 anos.

Manuel Halaiwa fez saber que o referido grupo pratica este tipo de delito há mais de três anos e nove integrantes já carregam um histórico de dez anos na mesma actividade criminosa, enquanto que o segundo grupo é integrado por 13 elementos.

Por outro lado, o responsável do SIC esclareceu que, no momento em que os malfeitores foram detidos, encontravam-se a aliciar possíveis compradores, usando a modalidade de permuta, em que cada nota valia 50 por cento.

O porta-voz do SIC acrescentou que os falsificadores de dólares tinham intenções de contactar funcionários da banca, para facilitar a introdução das notas no circuito bancário e mercantil.

O SIC alertou sobre a existência no país de redes de falsificadores de dólares que tudo fazem para que as notas falsas se apresentem em boa qualidade, para a sua comercialização.