Connect with us

Desporto

Santa Rita FC interrompe a invencibilidade do Kabuscorp

Published

on

Santa Rita FC, interrompeu ontem, segunda-feira, no estádio 4 de Janeiro, a invencibilidade do Kabuscorp do Palanca, nas últimas quatro jornadas, depois do empate a uma bola, no jogo de seguimento da 5ª jornada do Girabola-Zap/2017.

Num jogo em que os “palanquinhos” eram tidos como favoritos, a julgar pela diferença abismal na tabela geral de classificação, o segundo lugar para os comandados de Romeu Filemon , com 12 pontos, contra 4 do Santa Rita FC, na 12 posição, ainda assim, foram os donos de casa que entraram melhor no encontro, com Maurito a protagonizar a jogada logo no primeiro minuto do encontro.

Em resposta, aos cinco minutos, Lami controlou uma bola sobrada à entrada da grande área, encheu o pé e rematou forte para cima da baliza, numa altura em que o guarda-redes “Kisse” (Santa Rita) já se encontrava batido.

Três minutos depois, o avançado dos forasteiros Jackes após aparecer enquadrado atrás do médio central Ike, controlou a bola que vinha nas alturas e com o pé direito chutou forte para fora, e no banco Romeu Filemon passou as mãos à cabeça.

Aos 22 minutos, o abono dos “católicos” Dennis que já vai com três golos no campeonato, protagonizou uma jogada individual ao lado direito à entrada da pequena área, levantou a cabeça e assistiu Maurito que rematou colocando para uma defesa apertada em dois tempos do guarda-redes Elber (Kabuscorp).

Nando, central do Santa Rita FC, aos 28 minutos, na tentativa de fintar o avançado Jacks na sua pequena área, a bola sobrou para Caputo (Kabuscorp), em posição privilegiada e sem marcação mandou a bola para fora.

O mesmo jogador, um minuto depois, voltou a protagonizar um falhaço após recuperar a bola no defesa Simão (Santa Rita), colocando para uma defesa apertada para o canto do guarda-redes caseiro Kisse.

Aos 32 minutos, o capitão dos “palaquinhos” (Lami) de forma embalada para o ataque, passou por três adversários com facilidades e só foi parado com falta por Ike à  entrada da grande área, Amaro chamado a cobrar a bola, chutou para fora, uma jogada que com maior sentido de oportunidade para o Kabuscorp inaugurar o marcador.

Numa altura em os forasteiros encontravam-se lançados para o ataque, o médio Thomas (Santa Rita), aos 41 minutos, subiu no terreno de jogo e conduziu de forma controlada a jogada, assistiu o seu colega de equipa Dennis ao lado esquerdo, este por sua vez deu seguimento do lance para Gazeta, que não perdoou na cara do golo, fazendo o primeiro do encontro.

Depois do intervalo, os donos de casa voltaram a ter a iniciativa do jogo, e num contra ataque conduzido por Maurito, Dannis e Leandro, por um pouco o Santa Rita FC, ampliou o resultado 2-0, mas  o guarda-redes Elber (Kabuscorp) negou o golo do avançado Maurito, deixando o estádio 4 de Janeiro em explosão pela envolvência da jogada.

Na resposta, aos 51 minutos,  Jackes (Kabuscorp) num remate a meia volta, obrigou o guarda-redes caseiro a uma defesa apertada, que elevou Nzolani Pedro, presidente do clube aos aplausos.

Aos 61 minutos, Zé Kalanga que entrou no lugar de Nando, aos 56′, logo no primeiro contacto com a bola, fintou com facilidade três adversários e invadiu a grande área do Kabuscorp, rematou forte e a bola passou a escassos centímetros da barra transversal, de Elber.

Num cruzamento de bola parada efectuado por Amaro à entrada da grande área do lado direito, aos 74 minutos, o Kabuscorp chegou ao empate através de Nelito, num lance antecedido de falta pelo mesmo jogador contra o médio central Ike.

Ainda assim, os “católicos” não se intimidaram e, aos  86 minutos, o inconformado avançado Dennis numa jogada individual,  passou pelos defesas Libero e Nary, olhou para o lado esquerdo e descobriu Vemba à entrada da grande área, conduziu a bola por alguns metros e cara-a-cara com o guarda redes Elber, não conseguiu desfazer a igualdade,  provocando o treinador Sérgio Traguil a fazer o sinal da cruz.

No minuto seguinte, Lema, outro jogador que entrou na segunda parte substituindo Leandro aos 69, igualmente, num sentido de oportunidade e sem pressão dos defesas forasteiros mandou a bola para cima da baliza.

O Santa Rita FC volta jogar nesta quinta-feira, diante do JGM do Huambo, em desafio pontuável para 6ª jornada da prova,  já o Kabuscorp do Palanca recebe em seu reduto a equipa do Petro de Luanda.

Correio da Kianda / Angop

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas