Connect with us

Partidos Politicos

Rafael Massanga apontado como próximo Secretário-Geral da UNITA

Published

on

O filho do fundador da UNITA e actual Secretário Nacional para relações internacionais e comunidade da UNITA, Rafael Sakaita Massanga Savimbi, está ser “cogitado” para substituir Álvaro Daniel Tchikuamanga no cargo de secretário geral do Galo Negro no mês de Dezembro.

De acordo com uma fonte junto da direção da UNITA, a idéia de colocar o filho do líder fundador dos ‘maninhos’ visa unir as duas alas do partido, que andam desavindas desde o último congresso, realizado em 2019, em que foi declarado como vencedor o então candidato Adalberto Costa Júnior. Dê lá pra cá, a UNITA vive uma de crise de liderança, refere a fonte.

A fonte fez saber que no próximo mês de Dezembro, a direcção do maior partido na oposição vai reunir o seu órgão máximo para definir o futuro da UNITA nos próximos cinco anos. Este encontro, segundo a nossa fonte, vai ser uma reunião magna onde o maior partido na oposição vai fazer mexidas no seu actual órgão de direção, com grande destaque a indicação de Rafael Sakaita Massanga Savimbi para o cargo de Secretário-Geral, substituindo assim, Álvaro Daniel Tchicuamango, com intenção de reunificar o galinheiro.

Por outro lado, a intenção também surge na perspectiva unir as alas ‘Samakuvistas e Adalbertistas’.

Após derrota da UNITA nas eleições passada de 24 de Agosto, e consecutiva aceitação da tomada de posse na Assembleia Nacional e no Conselho da República, depois de várias promessas do líder da UNITA, cresce dentro do galinheiro onda de revolta e descontentamento contra a actual direcção.

Segundo a fonte que vemos citando, a direção encabeçada pelo presidente da UNITA, convocou para o mês de Dezembro uma reunião denominada “encontro de unidade” onde deverão discutir vários assuntos sobre a vida da UNITA.

E Para apaziguar o núcleo conservador que não se revê na liderança de Adalberto Costa Júnior, pretende indicar Rafael Massanga Savimbi para cargo do quarto homem mais importante da UNITA e servir de ponte entre a ala ditos como conservadores do princípios de Mwangai e a ala  liderada pelo general Paulo Lukamba Gato.

De recordar que Rafael Massanga Savimbi já exerceu o cargo de Secretário-Geral adjunto da UNITA entre os anos 2015 e 2019, na altura em que a UNITA estava ser liderada pelo então presidente Isaías Samakuva.

Por outro lado, o filho de Jonas Savimbi é apontado como o futuro líder da UNITA, após a era de Adalberto Costa Júnior.

O Correio da Kianda, tentou contactar a direcção do maior partido na oposição, mas não tivemos sucesso.