Connect with us

Politica

“Queremos que os jovens saiam das nossas escolas bem instruídos e educados”

Published

on

Está a ser veiculado nas redes sociais um vídeo onde o músico do estilo “kuduro”, Scró que Cuia, aparece a dançar de forma erótica, trajando apenas um calção, que está a merecer reprovação de vários internautas, incluindo acadêmicos, fazedores de artes e políticos angolanos, pelo facto do mesmo ter-se apresentado numa instituição escolar.

A CASA-CE, não ficou isenta destas vozes. A reacção da terceira maior força política em Angola, vem da Secretária Executiva Nacional da MPA, braço feminino da Coligação, liderada por Manuel Fernandes, a pedagoga, Analtilde Freire, afirmando que “este é um acto de reprovação e pedimos responsabilização por parte dessa instituição escolar.

A líder da MPA, disse ainda que a escola é um local onde vão os alunos para serem instruídos e educados, e não para observarem coisa imoral”.

“A escola é um dos agentes sociais, onde decorre o processo de Ensino e Aprendizagem e em simultâneo o professor também Educa”, disse a política

Analtilde Freire exemplificou que assim como um professor chama a atenção na forma como devem vestir os seus alunos ou como o aluno diz uma palavra obscena, assim também, não se deve permitir que um músico, apresente-se desta forma numa escola.

“Nós queremos uma Angola onde a Educação seja o ponto mais alto e que os nossos jovens saiam das nossas escolas bem instruídos e educados, a fim de garantirem um futuro melhor”, finalizou.