Connect with us

Sociedade

Quatro pessoas morreram por afogamento em Luanda

Published

on

Quatro pessoas morreram, vítimas de afogamento e três outras foram salvas num lago e praias , em Luanda, por mergulhadores do projecto Praias Seguras de Angola (PSA), durante o fim-de-semana prolongado.

Nas ocorrências registadas nas praias do por do sol (Talatona), Ponto Final (Ingombota), Vila de Cacuaco, bem como num lago no município de Belas , estiveram envolvidas unicamente cidadãs com  idades compreendidas entre os 14 aos 20 anos.

O porta-voz do comando de Luanda do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros (SNPC), Francisco Mingues, mencionou a área do Farol Velho (Ponto Final) e  sul do jango Veleiro, na Ilha do Cabo (Ingombota), Por do Sol ( Talatona),  Museu da Escravatura e Quilómetros (Belas) como zonas proibidas mais frequentadas pelos banhistas.

Disse ainda  que durante o fim-de-semana, os bombeiros intervieram em cinco incêndios causados por curto-circuito, negligência, tendo afectando os sectores da habitação e transportes nos municípios de Luanda ( Ingombota, Ngola Kiluange e Mainga), Cazenga( Quinta Avenida) e Viana (Estalagem).

Foram igualmente neste período estancados, na Estalagem e centralidade do Kilamba (Belas),  três vazamentos de gás em residências, bem como um resgate de animal (cão) no interior de um esgoto no Kilamba-Kiaxi.

De acordo com o oficial bombeiro,  na via pública limpou-se dois derrames de combustível nos municípios de Luanda ( Ingombota) e Viana (Zango), causados  por viaturas em mau estado técnico.

Especialistas dos bombeiros foram ainda chamados, para proceder a abertura de sete portas em apartamentos e três desencravamento de elevadores nas centralidades do Kilamba e Sequele.

As ambulâncias pré-hospitalares dos bombeiros socorreram e transportaram 19 pacientes para unidades hospitalares públicas e privadas a partir de residência e da via pública no Cacuaco , Belas, Kilamba-Kiaxi, Viana, talatona, Luanda (Ingombota).

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *