Connect with us

Mundo

Putin prepara-se para retirar tropas russas da Síria

Presidente russo fez visita surpresa à Síria esta segunda-feira.

Published

on

presidente da Rússia, Vladimir Putin, afirmou esta segunda-feira que ordenou a retirada parcial das tropas russas que estão a combater na Síria, noticia a BBC.

Numa visita surpresa à base área de Hmeimim, na Síria, Putin encontrou-se com o seu homólogo sírio, Bashar al-Assad.

“Ordenei que o ministro da Defesa e o chefe geral do staff começassem a retirar o grupo de tropas russas das suas bases permanentes”, afirmou o presidente russo. “Tomei uma decisão: uma parte significativa do contingente de tropas russas localizadas na Síria vão voltar à Rússia.

Principal aliado do regime de Bashad al-Assad, Vladimir Putin decidiu, em 2015, que a Rússia iria entrar na guerra da Síria, em auxílio do seu aliado. Desde então, sucederam-se os ataques aéreos e navais que tiveram como alvos não só o autodesginado Estado Islâmico como também os grupos rebeldes que queriam derrubar o presidente sírio.

Devido à intervenção russa, o regime de Assad saiu bastante reforçado de uma guerra que parecia dar como inevitável a sua queda. Os jihadistas do autodesginado Estado Islâmico foram praticamente derrotados no país, e Bashar al-Assad continua a cimentar a sua liderança no país.

As negociações de paz, que para além de Moscovo e de Damasco contam com o Irão e a Turquia, continuam.

Depois da visita surpresa à Síria, Putin deverá seguir para o Egito e para a Turquia.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *