Connect with us

Mundo

Putin mantém russos em casa com salarios pagos até final de abril

Presidente russo admite que a situação que o país vive devido à pandemia é “complicada”.

Redação

Published

on

Vladimir Putin anunciou, em conferência de imprensa realizada por videoconferência esta quinta-feira, que decidiu prolongar o período durante o qual a população russa ficará em casa com ordenados garantidos até ao próximo dia 30 de abril.

Horas após as autoridades anunciarem um novo máximo diário de diagnósticos positivos por infeção pelo novo coronavírus (771, fazendo a contagem total ascender aos 3.548 casos), o presidente russo reconheceu publicamente que o país atravessa uma situação “complicada”.

“Tomei a decisão de prolongar o período sem trabalho até ao final do mês, isto é, até 30 de abril, inclusive, reforço, mantendo os ordenados dos trabalhadores”, afirmou, em declarações reproduzidas pela estação televisiva RT.

Vladimir Putin justificou a decisão dizendo esperar que a medida permita “ganhar tempo para a tomada de medidas proativas” que impeçam uma maior propagação da Covid-19 no país.

 

NM

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (23)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (78)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (15)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2020 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD