Connect with us

Mundo

Putin diz levar “muito a sério” declarações de Trump sobre fim do conflito Rússia-Ucrânia

Published

on

O Presidente russo, Vladimir Putin, afirmou hoje que leva “muito a sério” as declarações do candidato presidencial norte-americano Donald Trump sobre o rápido fim do conflito entre Moscovo e Kiev caso seja eleito.

“O Sr. Trump, como candidato presidencial, diz que está pronto e disposto a parar a guerra na Ucrânia. Levamos tudo isto muito a sério”, declarou o Presidente russo durante uma conferência de imprensa em Astana.

“Claro que não conheço as suas possíveis propostas sobre como ele pretende fazer isso. E claro que essa é uma questão fundamental. Mas não tenho dúvidas de que fala com sinceridade e nós apoiaremos”, prosseguiu.

A reação de Putin surge a menos de uma semana da cimeira da NATO em Washington, onde se prevê que a Ucrânia seja um dos temas dominantes.

A perspectiva de vitória de Donald Trump nas eleições norte-americanas, em Novembro, coloca grandes incertezas sobre a sustentabilidade do apoio de Washington, que é essencial para que Kiev resista à invasão em grande escala da Rússia.

Em Maio de 2023, Donald Trump afirmou que acabaria com o conflito “em 24 horas” se voltasse a liderar a Casa Branca.

Apoio à Biden 

Os governadores democratas apoiam Joe Biden na recandidatura à presidência dos Estados Unidos, disseram dois governadores após uma reunião com o actual chefe de Estado norte-americano.

O democrata, de 81 anos, “está apto” a cumprir as funções presidenciais, disse o governador do estado de Minnesota (centro-norte), Tim Walz, na quarta-feira.

A governadora do estado de Nova Iorque (nordeste), Kathy Hochul, garantiu que Joe Biden “estava na corrida para vencer”, depois de um encontro com todos os líderes estaduais democratas.