Connect with us

Politica

PRS apresenta ao Governo 27 pontos sobre situação social no Huambo

Published

on

Quase um mês depois da governadora do Huambo ter recebida no palácio do governo provincial, a secretária provincial da UNITA do planalto central, Lotty Nolika recebeu, nesta terça-feira, 03, o mais alto representante do Partido de Renovação Social (PRS), no Huambo, António Soliya Selende Lumumba.

Em declaração à imprensa, após ter sido recebido pela governadora, informou ter entregue os 27 pontos do caderno reivindicativo sobre a “gritante situação social e política no Huambo”. O secretário provincial do PRS disse que o memorando apresenta todas as preocupações identificadas durante o périplo efectuado a nível dos onze municípios que constituem a província e os problemas são quase os mesmos.

Soliya Selende apresentou como uma das maiores preocupações que as populações do interior da província enfrentam, com a reintegração dos ex-militares que sentem-se abandonados sem meios para poderem trabalhar nas suas lavras, a questão da saúde, os hospitais locais não tem medicamentos, vias de comunicação, educação, emergia e água, são estas e outras preocupações que viemos apresentar ao governo para que mereça a sua dívida tenção.

Um outro sim, que levou o líder do PRS no Huambo, foi a problemática de habitação da centralidade da Caala, que de acordo com dirigente partidário está gerar polemica tudo porque, os jovens que habilitaram-se para adquirir os imóveis não tiveram sucesso, isto porque as mesmas pessoas que foram atribuídas apartamentos na centralidade de Lossambo e da Casa da juventude, são os mesmos que encontramos a receberem na centralidade da Caala, denunciou.

Um outro ponto de agenda que levou o representante do PRS a sentar a mesma mesa com a Lotty Nolika, foi a questão de intolerância política que se verifica ainda naquela região de Angola, principalmente no interior da província, “ainda vemos como se estivéssemos na época do ex-presidente José Eduardo dos Santos, onde as pessoas são vistas pelas cores das suas bandeiras partidárias”, frisou o político.

O secretário provincial do PRS louvou a iniciativa da governadora por estar aberta ao diálogo com as demais forças e actores da província. Soliya Lumumba, sublinhou que tanto a oposição e o governo comungam os mesmos objetivos de que é resolver os principais problemas e bem-estar das populações do Huambo.