Connect with us

Desporto

Próxima edição da BAL pode ter palco em Angola

Published

on

Angola pode albergar a próxima edição da Liga Africana de Basquetebol (BAL) afirmou esta quinta-feira, em Luanda, o presidente da instituição organizadora, Amadou Fall.

A intenção foi manifestada pelo dirigente do órgão continental após audiência na capital com a Ministra de Estado para Área Social, Dalva Ringote.

Em declarações à imprensa, Amadou Fall justificou que a intenção surge na sequência do histórico angolano, cuja selecção da modalidade é 11 vezes campeã africana.

De acordo com o também delegado da Liga Norte Americana, o governo local abriu portas para acolher o evento como forma de continuar a inspirar novas gerações.

Referiu que a ideia da organização remonta desde a disputa da primeira edição da prova continental no modelo de Liga, em 2021.

Apesar dos habituais candidatos para palco da BALL, designadamente, Kigali (Rwanda), Dakar (Senegal) e Cairo (Egipto), disse que Angola, líder do ranking continental há mais de 20 anos, é a prioridade.

Admitiu a possibilidade de o país sede da competição concorrer com duas equipas ao invés de uma como até então, fundamentalmente aqueles com tradição no basquetebol.

Lembrou, no entanto, que, por agora, o modelo quanto ao número de participantes continuará sendo de um representante para cada nação, preferencialmente os campeões nacionais nos respectivos campeonatos, envolvendo no final 12 equipas.

Angola participou nas três últimas provas com um único representante, o Petro de Luanda, tendo se classificado em terceiro, em 2021, em segundo, em 2022, e em quarto, este ano (2023).
De lembrar que o Al Ahly, do Egipto, é o campeão em título da competição.

Formado em radiojornalismo, com passagem por órgãos de comunicação social públicos e privados. Possui formação internacional em Comunicação e Multimedia. Estudante do curso superior de Gestão/Comunicação e Marketing.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *