Connect with us

Economia

Provedor britânico vai distribuir internet em África

Published

on

Um provedor britânico vai distribuir serviços de internet para 37 países africanos, no âmbito de um acordo, hoje assinado em Luanda, com o grupo Paratus, com objectivo de reduzir a infoexclusão no continente.

Trata-se da OneWeb, sedeada em Londres, que celebrou, hoje um contrato de parceria de distribuição dos seus serviços com o Grupo Paratus, empresa pan-africana de telecomunicações, através da qual vai disponibilizar soluções de conectividade de satélite de baixa órbita terrestre (LEO) da OneWeb em África, a partir de 2023.

Com o acordo hoje assinado, aquele provedor de serviços de comunicações via satélite, pretende atender especialmente as comunidades rurais e remotas.

Constam ainda dos termos do acordo plurianual entre a OneWeb e a Paratus a construção de um teleporto em Luanda, previsto para estar operacional na segunda metade de 2023, através da qual vai facilitar a oferta de conectividade de alta velocidade e baixa latência a empresas, instituições públicas, bem como escolas, clínicas e hospitais em zonas remotas e àquelas consideradas como pouco servidas.

A celebração de hoje resulta de avanços significativos que ambas as empresas têm realizado com vista a melhorar a conectividade em África.

A OneWeb tem vindo a construir as suas estações terrestres de satélite em Angola, África do Sul, Gana, Senegal e nas Maurícias, perspectivando, continuamente, desenvolver parcerias estratégicas para implementar as suas soluções cada vez mais alargadas de cobertura de serviços de comunicações. Por sua vez, a Paratus lançou recentemente a sua ligação de fibra óptica entre Angola e a República Democrática do Congo (RDC), inaugurou dois novos Data Centers, na Zâmbia e na Namíbia, e concluiu a cobertura de rede em todas as províncias de Angola.

Para Stephen Beynon, Director Comercial da OneWeb, “O acordo de hoje aproxima-nos ainda mais de concretizar a nossa missão de reduzir as barreiras da infoexclusão”. Mais adiantou que “ao agregar o potencial da nossa rede LEO com a escala e expertise da Paratus, estou confiante de que seremos capazes de disponibilizar a clientes e às comunidades africanas todos os benefícios que as nossas soluções de conectividade podem proporcionar.”

Entretanto, o CEO do grupo Paratus, Schalk Erasmus, disse na ocasião, que “este acordo de distribuição de serviços da OneWeb é uma grande conquista para nós e confirma a nossa considerável capacidade e expressão em África”, tendo acrescentado que o acordo vai “permitir-nos-á, ainda, concretizar a nossa visão de transformar África através de infraestruturas digitais e serviços de apoio ao cliente excepcionais.”

Já CCO do grupo, Martin Cox, justificou a escolha da empresa britânica como parceiro de distribuição, pelo facto de a Oneweb estar a fazer uso da tecnologia LEO, que “é uma evolução na forma de disponibilizar conectividade de alta velocidade e baixa latência em toda a África, incluindo nas áreas remotas e pouco servidas”.

Sobre a Paratus

Fundada em 2003, como ITA, a Paratus é a rede de qualidade de África. Focada no futuro, o investimento do grupo em infraestruturas destaca o seu compromisso a longo prazo de transformar África através de infraestruturas digitais e serviços de apoio ao cliente excepcionais. A Paratus é gerida por uma equipa operacional dedicada e profissional, em sete países africanos – Angola, África do Sul, Botsuana, Moçambique, Namíbia, RDC e Zâmbia. A rede alargada da empresa permite-lhe disponibilizar um serviço especializado e orientado à conectividade via satélite, em 37 países africanos, a vários clientes espalhados por toda África, ligando empresas africanas em todo o continente e oferecendo serviços de excelência de ponta-a-ponta. A actuação do grupo estende-se para além do continente africano até aos PoPs (pontos de presença) internacionais na Europa, no Reino Unido e nos EUA.

Nascida e criada em África, a Paratus está a pensar em grande à medida que aumenta a sua actuação, de forma a proporcionar uma rede de comunicações de alta qualidade em África. Compreendemos as oportunidades únicas que África oferece, tanto às empresas como aos indivíduos e estamos empenhados em fornecer serviços de conectividade de elevada qualidade em África.

Sobre a OneWeb

Com sede em Londres, a OneWeb é uma rede global de comunicações alimentada a partir do espaço a fim de permitir o acesso à Internet para governos, empresas e comunidades. Está a implementar uma constelação de satélites de baixa órbita terrestre com uma rede de estações terrestres global e uma gama de terminais a fim de fornecer um serviço de comunicações acessível, rápido, de alta largura de banda e de baixa latência, ligado ao futuro da IOT e como um caminho para 5G disponível para todos, em todo o lado.

Colunistas