Connect with us

Sociedade

Produtos expirados estão a ser vendidos nos mercados de Luanda

Published

on

Quantidades de leite, papas, bebidas energéticas entre outros bens alimentares essenciais estão a ser comercializados nos mercados formais e informais de Luanda.
Segundo uma denúncia remetida à Procuradoria Geral da República, há um grupo de malfeitores a nível do País, que se dedicam exclusivamente em alterar as datas de validades nos rótulos dos produtos consumíveis expirados, e que estão a ser comercializados a retalho nas cantinas e supermercados, e à grosso em quase todos armazéns do país.
Pela gravidade da denúncia, a AADIC, associação Angolana dos direitos do consumidores, preocupado com a situação, solicitou ao Ministério do Comércio e demais órgãos competentes para o efeito a retirar do mercado formal e informal os seus seguintes produtos.
1. Leite de marca ‘Mimosa’;
2. Papas ‘Maizena’ e ‘Nestlé’;
3. Bebida energética ‘Redbull’;
4. Feijão ‘Tio Lucas’;
5. Milho doce ‘Condi’;
6. Óleo alimentar ‘Cozinheiro Tempero’;
7. Ketchup ‘Nhan Nhan’;
8. Manteigas: ‘Pastora’, ‘Puro Sabor’ e ‘Soya;
9. Sumo ‘Bongo’;
10. Cogumelo ‘Anna’;
11. Cereais: ‘Estrelitas’, ‘Corn Flakes’ e ‘Flocos de Aveia’;
12. Caldo de carne ‘Maggi’,
13. Fraldas ‘Pampers’;
De acordo com a AADIC, uma vez que não sabe de concreto sobre a quantidade exacta destes produtos – que podem levar os consumidores à morte – que estão disponíveis no mercado formal e informal.
Na mesma senda, a AADIC solicita ao Ministério do Comércio que se pronuncie publicamente sobre o assunto o mais breve possível, de modo a informar a sociedade em geral sobre os procedimentos que o cidadão consumidor deve(a) terdiante dos factos.
Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *