Connect with us

Economia

Privatizações rendem ao Estado angolano mais de Kz 47 mil milhões

Published

on

Um montante de 47.9 mil milhões de kwanzas é o que o Estado angolano arrecadou, em 2023, com a venda da participação em onze activos, no âmbito do programa de alienação do Instituto de Gestão de Activos e Participações do Estado.

A informação foi avançada esta terça-feira, 06, pelo Secretário de Estado para Finanças e Tesouro, Ottoniel dos Santos.

O valor, de acordo com o balanço do ano 2023 do IGAPE, resulta da venda, por via do Programa de Privatizações, de um conjunto de Activos da Sonangol e da Zona Económica Especial Luanda-Bengo (ZEE-Luanda/Bengo).

O  porta-voz da Comissão Nacional Interministerial do PROPRIV afirmou, durante a reunião de balanço do ano transacto e perspectivas para 2024/2026, que dentre os activos alienados destacam-se dois da Sonangol, ligados à produção petrolífera, num montante de 41 mil milhões de kwanzas, sobre o valor global arrecadado.

Porém, explica Ottoniel dos Santos, o Estado tem vindo a negociar com as empresas em causa e quando se justificar, o vendedor (Estado) accionar as medidas legais e judiciais.

Colunistas