Connect with us

Desporto

Primeira derrota do Inter marca 7ª jornada do Girabola

Published

on

A ronda sete do campeonato nacional de futebol da primeira divisão, Girabola2018, ficou marcada pela quebra da invencibilidade do líder, Interclube, que consentiu domingo, no seu reduto (Estádio 22 de Junho), a primeira derrota na prova, frente ao FC Bravos do Maquis, por 0-1.

O Maquis veio a capital do país dizer “basta” à campanha “brilhante” do Inter de seis jogos sem perder (cinco vitórias e um empate), mas ainda assim a equipa afecta à polícia se mantém na liderança do campeonato, com 16 pontos.

Em pleno 22 de Junho, os maquisardes (14º com sete pontos), que vinham de três derrotas seguidas, duas das quais em casa, “colocaram em sentido os polícias”, com golo do avançado Eric, marcado aos 19 minutos do sofrível desafio.

Nem mesmo a presença em campo do melhor marcador do Girabola2018, Pedro (6 golos), ajudou a manter a invencibilidade do donos da casa, num desafio em que o ataque da polícia se mostrou incapaz de concretizar as oportunidades de golo criadas, ante a defensiva visitante (uma das cinco piores da prova, com 7 golos sofridos). O Interclube sofreu três golos.

A derrota deixa o Interclube a quatro pontos de ser alcançado pelo Kabuscorp do Palanca (2º/12), que foi ao Bengo derrotar (1-2) e prolongar o jejum do Domant FC local (11º/8), elevando para dois o número de jogos sem vencer. Ebunga e Arouna, pelos palanquinos, e Mabulu (Domant) foram os mercadores em serviço.

No planalto central, num desafio entre recreativos, o da Caála (4º/10), a jogar em casa, venceu o seu confrade do Libolo (5º/10), por 2-0, com golos de Deco e Careca. Os caalenses redimiram-se da derrota que sofrera na ronda anterior, por iguais números (0-2), ante ao Kuando Kubango FC (7º/9), enquanto o seu homónimo tivera empatado a um golo com o JGM do Huambo.

Por seu turno, o Sagrada Esperança, depois de perder na 6ª jornada (0-2) frente ao Progresso do Sambizanga, derrotou este final de semana o 1º de Maio (14º/5), por 2-1, com golos de Guedes e Caxi, alcançando o terceiro lugar com 10 pontos. Cristiano fez o golo de honra dos benguelenses.

O Sagrada Esperança agudizou a crise de resultados do Maio, que vinha já de uma derrota diante do Interclube, por 0-2, e caiu para o 14º posto (ante-penúltimo) com cinco pontos.

Já o Kuando Kubango FC subiu para o sétimo posto, depois de vencer, em casa, o Progresso do Sambizanga (1-0), que continua no nono lugar com oito pontos.

A jornada sete viu adiados, ainda sem datas, os desafios Petro de Luanda (8º/8) – Sporting de Cabinda (12º/7) e 1º de Agosto (15º/4) – JGM do Huambo (16º/2), devido o envolvimento do  vice-campeão (Petro) e o campeão em título (1º de Agosto) nas afrotaças.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *