Connect with us

Politica

Presidente da Unita critica estratégias de governação do país

Published

on

O presidente da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA), Isaías Samakuva, mostrou-se esta sexta-feira, durante um encontro com os militantes, preocupado com a situação política, sócial e económico do país, traduzidas em greves constantes, por falta de salários capazes de dar o melhor sustento às famílias angolanas.

O presidente da Unita defendeu, por este facto, uma reflexão profunda sobre estes aspectos para que sejam alcançados resultados satisfatórios que venham a melhorar a qualidade de vida das populações.

Isaías Samakuva salientou que o povo abraçou as eleições com a perspectivas de uma mudança real, traduzida em melhoria dos serviços sociais e com medidas e politicas que pudessem dar um novo rumo ao desenvolvimento do país.

“Mesmo com a realização das eleições ainda continuamos a ver a vida dos cidadãos cada vez mais complicada, com salários miseráveis, empresas na falência devido a falta de divisas, falta de medicamento nos hospitais, aumento dos preços dos produtos de primeira necessidade, entre outros factores que muito têm contribuído para o mau estar de vida dos angolanos”, acrescentou.

Afirmou ainda que a Unita vai a continuar a trabalhar em prol da sociedade, com a sua linha de força cingida num governação participativa e na implementação com rigor de acções que visam consolidar as conquistas já alcançadas.

“A Unita está a prepara a sua maquina para os próximos desafios que se impõem, as autarquias, bem como as eleições de 2022”, sublinhou Isaías Samakuva.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas