Connect with us

Politica

“Presidência de Angola na SADC tem dado ar fresco a organização”

Published

on

A presidência de Angola na SADC tem dado “ar fresco” não apenas na resolução de conflitos na região como também no processo de integração dos Estados membros.

A afirmação é de João André, especialista em relações internacionais, quando falava sobre o X Conselho Consultivo do Ministério das Relações Exteriores que decorreu sob o lema: “MIREX e a valorização do capital humano nas vertentes diplomática e administrativa”.

João André disse também que as cimeiras realizadas por Angola sobre cultura de paz são um indicador do empenho do país para se encontrar solução, sobretudo na República Democrática do Congo (RDC).

O especialista afirmou também que a cooperação militar tem caracterizado a presidência de Angola na SADC nos seus 12 meses de liderança rotativa.

A estratégia da presidência de Angola na União Africana, em 2025, é outro tema que dominou o debate no conselho do MIREX.

No acto de abertura do evento, que teve duração de dois dias, o titular da pasta destacou a diplomacia económica do país na atracção de novos investimentos.

Téte António apontou como exemplos o regresso da Debeers e os investimentos estrangeiros no Corredor do Lobito.

O ministro afirmou também que o Estado angolano vai continuar a fazer a sua diplomacia da paz.