Connect with us

Mundo

“Portugal tem de mudar!”, diz hacker Rui Pinto

Published

on

O hacker português, Rui Pinto, que encontra-se em liberdade desde sexta-feira, 07, quebrou hoje o silêncio, através de uma publicação na sua conta de Twitter, onde diz que Portugal continua a ser um “paraíso para a corrupção” e “para o branqueamento de capitais” e que é preciso mudar.

“É agora mais do que nunca, que precisamos de união e resiliência. Portugal tem de mudar!”, escreveu.

O criador da plataforma Football Leaks e responsável pela investigação que espoletou o processo Luanda Leaks – que tem a empresária Isabel dos Santos como a principal visada -, agradeceu  ainda “a todos aqueles que desde a primeira hora demonstraram o seu apoio e solidariedade”. Por fim, Rui Pinto conclui: “Finalmente esta árdua e longa ‘travessia do deserto’ chegou ao fim”, destaca o site Notícias ao Minuto.

Rui Pinto que encontra-se, neste momento, ao abrigo do programa de proteção de testemunhas de Portugal, começa a ser julgado em 4 de Setembro por 90 crimes: 68 de acesso indevido, 14 de violação de correspondência, seis de acesso ilegítimo e ainda por sabotagem informática à SAD do Sporting e por tentativa de extorsão ao fundo de investimento Doyen, destaca a publicação.

Polícia Judiciária portuguesa desmente contratação de Rui Pinto