Connect with us

Mundo

Portugal realiza megaoperação para deter 60 suspeitos de escravizar imigrantes

Published

on

Denúncias de tráfico de seres humanos, associação criminosa e branqueamento de capitais, levaram a Polícia Judiciária portuguesa a realizar uma megaoperação no Alentejo, hoje, 23, envolvendo mais de 400 inspectores e cerca de 60 buscas.

Conforme avançou a CNN, centenas de trabalhadores estrangeiros terão sido explorados a trabalhar sob condições sub-humanas naquela região e no centro do país. Os suspeitos ficavam com os ordenados das vítimas, pagos pelos empregadores.

A rede, avança a noticia, conta com angariadores no Leste da Europa, como na Ucrânia ou na Roménia, além de países como a Índia, Paquistão ou Timor, que convencem as vítimas com promessas de uma vida melhor em Portugal (com alojamento, condições de trabalho e salários dignos).

Contavam com a colaboração de uma solicitadora da Vila de Cuba, já detida, para a criação de empresas fantasma e falsificação de documentos.

Formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, a profissional actua no mercado de comunicação há 18 anos. Iniciou a sua carreira em 2004, apresentando um programa de rádio e logo migrou para a comunicação digital, para a impressa e, posteriormente, a institucional. Tem vasta experiência como web journalist, criação e gestão de redes sociais, tendo participado dos projectos de desenvolvimento de diversos sites, blogs e redes sociais governamentais, privados e do terceiro sector. Reside em Luanda desde 2012, tendo trabalhado como jornalista no portal de notícias Rede Angola, como assessora de imprensa e directora de Comunicação e Operações nas Agências NC - Núcleo de Comunicação e F.O.T.Y, atendendo diversos clientes governamentais e privados. Actualmente trabalha como Consultora de Comunicação e Imagem e editora do portal Correio da Kianda.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *