Connect with us

Destaque

Porta-voz da CNE diz que imagem de Educação Cívica e Eleitoral com João Lourenço é falsa

Published

on

Doze mil e 152 assembleias de voto vão funcionar nas eleições gerais do dia 23 de Agosto de 2017, segundo mapeamento definitivo aprovado apresentado esta segunda-feira aos representantes dos partidos políticos pela Comissão Nacional Eleitoral (CNE) na sua 15ª Sessão extraordinária.

Para além de assembleias de voto, a CNE aprovou também 25 mil e 475 mesas de votos em todo o país, informou a porta-voz da CNE, Júlia Ferreira.

Falando à imprensa no termo da plenária da CNE, a Júlia Ferreira informou que no âmbito das suas atribuições o seu organismo entregou formalmente o mapeamento definitivo das assembleias e mesas de voto aos mandatários de partidos políticos e a coligação eleitoral, CASA-CE.

Acrescentou que em relação a província de Luanda a sua instituição fez um reajustamento sobre das assembleias de votos deliberando uma distância de cinco quilómetros por cada local de votação.

Essa medida, segundo a porta-voz, permitirá maior distribuição quer da logística eleitoral quer do material a ser usado nas assembleias e mesas de voto.

Informou que nos termos da lei o seu organismo tem um prazo até 45 dias, antes do dia da votação, para aprovar e entregar o mapeamento definitivo de assembleias e mesas de voto aos mandatários e a outros actores políticos.

Munidos dessa informação os partidos políticos e coligações participantes terão um prazo de duas semanas para se pronunciar sobre a conformidade das localização dos locais de votação e outros dados antes do dia da votação.

O Presidente da CNE, André da Silva Neto, entregou o ficheiro com mapas de assembleias e mesas de voto ao mandatário Carlos Alberto Ferreira Pinto, do MPLA; a Adalberto da Costa Júnior, da UNITA; a Gabriel Simão Gaspar, da FNLA;    à Cezinanda de Kerlan Xavier, da CASA-CE e  a Adilson de Almeida, do partido APN.

No final da reunião, Júlia Ferreira, falando a imprensa, aproveitou para esclarecer que a imagem que circula nas redes sociais, onde se vê um outdoor de campanha de educação cívica eleitoral com imagem de João Loureço é falsa. 

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas