Connect with us

Sociedade

Policia no Cazenga mata cidadão a tiro e alega ter sído por engano

António Sacuvaia

Published

on

Um jovem que em vida chamou-se Vado, morador da Cuca, Município do cazenga, foi morto a tiro por agentes da Polícia , na manhã desta quarta-feira (19) supostamente por ter sido confundido com o Jovem meliante, alvo da perseguição.

Relatos recolhidos pelo Correio da Kianda no local, contam que a Polícia admite ter se enganado no alvo, citando um agente afecto ao comando Municipal da Policia no Cazenga.

Segundo apurou este jornal, tratam-se de dois agentes da Polícia da brigada-moto daquele município , que fazendo-se transportar por uma motorizada, na tentativa de perseguir meliantes, acabaram matar com três disparos de arma de fogo um jovem, supostamente inocente, que deixa dois filhos e uma viuva.

Até ao momento, a Polícia em Luanda ainda não se pronunciou sobre o sucedido.

Recorde-se, que até ao momento, o número de mortes por excesso de actuacão da Polícia, com recurso a armas de fogo, já superou os da Covi-19

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (23)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (74)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (14)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2020 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD