Connect with us

Sociedade

Polícia em Luanda aguarda por “ordens superiores” para devolver telefones do Jornalista Manuel Kamalata

Published

on

De acordo com o Jornalista Manuel Kamalata, os seus bens não foram até hoje sábado, 21, devolvidos, por estar, a Polícia, supostamente a aguardar de uma ordem superior para a restituicão dos mesmos. Disse ao Correio da Kianda no princípio da tarde deste sábado o Jornalista.

Manuel Kamalata, que denúncia ter sido maltratado aquando da sua detenção na última quinta-feira, disse hoje sábado ao Correio da Kianda, que há dois dias que encontra-se sem os seus pertences, dois telemóveis, e valores monetários avaliados em 10 mil kwanzas, que encontravam-se na capa de um dos telemóveis aquando da sua detenção.

O Jornalista do Correio da Kianda, avançou com que a única informacão que tem estado receber quando se desloca a segunda-esqudra de Luanda, onde os seus pertences estão retidos, é “ o de estarem a aguardar ordens superiores para que lhe seja entregue”.

“ Estive ontem na segunda esquadra de Luanda, e voltei a ser informado pelos oficiais do SIC, que só me dariam os meus telemóveis depois de receberem ordens superiores. Disse, Kamalata.

Manuel kamalata, foi detido pela polícia, num momento em que este encontrava-se de passagem nas imediacões da Sagrada família, em Luanda, local, onde previa-se a realização de uma “vigília por um grupo de manifestantes.

O jornalista, disse, que mesmo depois de ter se identificado e explicado o seu destino, ainda assim acabou por ser levado para esquadra “Farol das Lagostas” onde passou a noite.

O Correio da Kianda, voltou a contactar este sábado o Comando Provincial de Luanda, para saber das razões da retenção dos bens do Jornalista, mas todos os esforços cairam em saco roto.