Connect with us

Justiça

PGR na Lunda Norte constata “fortes” indícios de corrupção no concurso público de ingresso à Educação

Published

on

O procurador-geral adjunto da República na Lunda Norte, Domingos Espanhol, disse quinta-feira, no Dundo, existirem “fortes” indícios de corrupção no concurso público de ingresso à Educação, realizado em 2019.

O magistrado que falava numa palestra sobre “Corrupção, nepotismo e impunidade”, promovida pelo governo provincial local, revelou que existem cidadãos apurados, mas sem processo de candidatura.

Os supostos exames destes cidadãos estão retidos e sob investigação para se apurar se houve de facto actos de corrupção.

Os candidatos, cujos exames provam o seu mérito, os processos estão remetidos ao Gabinete Provincial da Educação para os procedimentos seguintes.

A quota para província da Lunda Norte no concurso público é de 481 vagas, concorridas por dois mil 691 candidatos.

 

C/ Angop

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *