Connect with us

Politica

PGR: general “Dino” ouvido durante 7 horas

Published

on

O general Leopoldino do Nascimento “Dino” foi ouvido, ontem, durante 7 horas, na Direcção Nacional de Investigação e Acção Penal (DNIAP) da Procuradoria-Geral da República (PGR).

Segundo a Rádio Nacional de Angola (RNA), Leopoldino do Nascimento chegou à DNIAP por volta das 9 horas, acompanhado dos seus advogados. Começou a ser ouvido logo depois, até próximo das 16 horas.

O general Hélder Vieira Dias Júnior “Kopelipa” está a ser ouvido hoje. Ambos foram constituídos arguidos há duas semanas e notificados para interrogatório, inicialmente previsto para terça-feira passada, mas adiado a pedido da defesa.

O antigo chefe das Comunicações do ex-presidente José Eduardo dos Santos, Leopoldino do Nascimento “Dino”, e o ex-ministro de Estado e chefe da Casa Militar, Hélder Vieira Dias Júnior “Kopelipa”, respondem por haver fortes indícios de terem beneficiado dos negócios que o Estado teve com a empresa China International Fund (CIF), no âmbito do extinto Gabinete de Reconstrução Nacional (GRN).

Os oficiais generais gozam de imunidades e não podem ser presos preventivamente antes do despacho de pronúncia, excepto em flagrante delito, por crime doloso punível com pena de prisão superior a dois anos.

Em Fevereiro, a PGR anunciou a apreensão dos edifícios CIF Luanda One e CIF Luanda Two, localizados na baixa de Luanda, em posse da empresa chinesa de direito angolano China International Fund Limitada (CIF).

General Kopelipa entrega supermercado Kero ao Estado