Connect with us

Sociedade

Pastor de igreja Pentecostal oferece dinheiro na via pública

Redação

Published

on

Um pastor da igreja Ministério Pentecostal Messiah, em Luanda, está a oferecer dinheiro ao fieis da sua igreja, bem como às pessoas com necessidades, e que o interpelam na via pública. Segundo aquela denominação religiosa, a acção visa mitigar a carência de pessoas que passam por várias necessidades de subsistência.

Trata-se do Profeta Messias, da igreja Ministério Pentecostal Messiah, na zona do Avó Kumbi, no município do Kilamba Kiaxi, em Luanda, que além de profetizar bênçãos aos fieis da sua denominação religiosa, oferece valores monetários aos que a ele recorrem em socorro às suas necessidades de subsistência.

Imagem nas redes sociais, às quais o Correio da Kianda teve acesso, mostram o profeta a abençoar os fieis dentro da igreja e em seguida oferecer determinados valores aos que mostraram estar a passar por dificuldades financeiras. Num outro vídeo vê-se igualmente o líder religioso a descer da sua viatura, na via pública, e sendo seguido pela população local, a maioria com o objectivo de apenas o tocar, por entenderem que tocando o corpo do referido profeta, obtêm cura de suas enfermidades e bênçãos nos seus propósitos de vidas.

O porta-voz da referida igreja, pastor Pascoal Bonito, disse que “Deus mandou um profeta Messias não só a fim de ministrar a palavra de Deus, libertar as pessoas com profecias e curas, a Igreja tem todos os dias a missão de ajudar pessoas necessitadas quer dentro e fora da Igreja uma vez somos parceiros social do Estado”.

Acrescentou ainda que Deus concedeu visão ao Profeta Messias. “Sempre que há um culto, Deus revela ao Profeta pessoas que estão a passar em necessidades e quando Deus indica para abençoar essa pessoa, nem que for muito ou pouco, o Profeta tira e entrega”, rematou Pastor Bonito.

O reverendo Bonito Pascoal lembrou, por outro lado, que além da dimensão espiritual, cumprida através do evangelho de Deus, as igrejas têm também uma responsabilidade social, e “por isso é que a Igreja Ministério Pentecostal tem Estado engajado em apoiar o governo em vários projectos sociais para o bem da Comunidade”.

Entretanto, o psicólogo Carlinhos Zassala disse, ao Correio da Kianda, não ser normal um pastor oferecer dinheiro aos fieis em pleno culto. “Em Angola, nosso país infelizmente mágicos, feiticeiros, oculistas, quimbandeiros, etc, todos são pastores. Ainda mais, muitas seitas satânicas se auto-denominam cristãs”, comentou, classificando de preocupante a situação.

O académico, adverte, por outro lado, que “se se tratar com boas intenções e dinheiro limpo, não é problema”, desde que não o façam em pleno culto.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (23)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (86)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (17)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2021 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD