Connect with us

Sociedade

Passageiros de comboios clamam por melhorias na prestação de serviços

Published

on

Os passageiros do Caminho de Ferro de Benguela na rota Huambo-Luau reclamam das péssimas condições em que viajam. Mau cheiro, calor e roubos, é o cenário que se vive no interior das carruagens.

Outra preocupação cinge-se também na escassez para aquisição do bilhete de passagem para uma viagem. Os passageiros alegam que neste período do ano, a procura supera a oferta

O Correio da Kianda soube que os passageiros do Comboio do Caminho-de-Ferro de Moçâmedes na província do Cuando Cubango, com destino a cidade do Lubango, perderam a vigem na manhã desta terça-feira por causa da enchente e da limitação na venda dos bilhetes.

Em entrevista ao nosso jornal, a directora adjunta do INADEC em Luanda, Anta Weba, disse que é “direito do consumidor usufruir de serviços de qualidade, que lhe garanta segurança”.

Num comunicado enviado ao Correio da Kianda há duas semanas, o Conselho de Administração do Caminho de Ferro de Benguela afirmou ter instaurado um inquérito interno com vista a serem apurados os motivos e os responsáveis que terão estado na base de enchentes que se verificaram em um comboio ao serviço do CFB, no percurso Huambo – Luena. Situação que entretanto, parece ser contínua, segundo denúncias dos passageiros.