Connect with us

Politica

Operação Caranguejo: 24 cidadãos impedidos de se ausentarem do país

Published

on

A Procuradoria-Geral da República informou ao Serviço de Migração e Estrangeiros que 24 cidadãos ligados ao “Caso Major Lussati” estão impedidos de deixar o país, enquanto decorrerem as investigações.

Num documento direccionado à todos os órgãos provinciais do SME, a qual o Correio da Kianda teve acesso, para além de Pedro Lussati, que está a ser investigado por suspeita de cometimento dos crimes de peculato, retenção de moeda, associação criminosa e outros, estão impedidos de deixar o país:

2- Fernando Moisés Dumbo

3- Luís Simão Ernesto

4- Jesus Mário Samuel

5- Ernesto Guerra Pires

6- Angelino Domingos Viera

7- José Manuel Felipe Fernandes

8- João Francisco Cristóvão

9- Paulo Maria Bravo da Costa

10- José Barroso Nicolau

11- Daniel Mingas Casimiro

12- Jacinto Hengomge

13- Gilberto Demóstenes Chilingutila

14- José Manuel Mungondue

15- João Coimbra Sacalumbo

16- Ildefonso Armando Gama Ferraz

17- Aníbal Pires Nunes Antunes

18- Francisco Bambi Tchatila

19- Gomes Tchity Jerónimo Livongue

20- Canivete Pereira

21- Antônio Pedro Amândio

22- Gamaliel Óscar Pereira da Gama

23- Hermez Francisco Tyunda – Filho do General Tyaunda

24-José Tchiwana

De recordar que o Serviço de Investigação Criminal (SIC) deteve em posse do Major Pedro Lussati, oficial das Forças Armadas Angolanas (FAA), afecto à Casa de Segurança do Presidente da República, 45 imóveis, dos quais, uma penthouse no Talatona e cinco apartamentos em Lisboa.

Foram apreendidos ainda em posse do Major, um apartamento na Namíbia; dois iates de luxo, dezanove malas em casa com USD 10 milhões, 700 mil euros e 800 milhões de kwanzas; duas dezenas de relógios de luxo revestidos de diamantes e ouro rosa e quinze viaturas top de gama e comprovativos de transferência bancária no exterior no valor de USD 1 bilhão.

Ao ser detido no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, em Luanda, o também chefe das Finanças da banda musical da Presidência da República, não conseguiu justificar a origem do dinheiro.

Major bilionário possuía quase vinte malas com mais de USD dez milhões em casa

Continue Reading
1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: PGR detém cinco cidadãos envolvidos no Caso Lussati - Correio da Kianda - Notícias de Angola

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Advertisement

Colunistas

Daniel Sapateiro
Daniel Sapateiro (1)

Economista e Docente Universitário

Ladislau Neves Francisco
Ladislau Neves Francisco (25)

Politólogo - Comunicólogo - Msc. Finanças

Olivio N'kilumbo
Olivio N'kilumbo (21)

Politólogo

Vasco da Gama
Vasco da Gama (87)

Jornalista

Walter Ferreira
Walter Ferreira (20)

Coordenador da Plataforma Juvenil para a Cidadania

© 2017 - 2021 Todos os direitos reservados a Correio Kianda. | Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.
Ficha Técnica - Estatuto Editorial RGPD