Connect with us

Mundo

ONU preocupada com crise política na Guiné-Bissau

Published

on

O secretário-geral da ONU, António Guterres, disse esta quinta-feira, 21, que acompanha com preocupação os desenvolvimentos da actual crise política na Guiné-Bissau.

Em mensagem emitida pelo porta-voz, e divulgada pelos serviços de imprensa da ONU, António Guterres apela a todas as partes para que respeitem a Constituição e se envolvam num diálogo construtivo para a resolução das suas diferenças políticas.

A nota dá conta que o representante especial para a África Ocidental e o Sahel, o antigo chefe da diplomacia moçambicana, Leonardo Simão, “está em contacto com as partes interessadas relevantes e está pronto para se envolver com a liderança política do país e outras partes interessadas relevantes”.

Na mensagem, citada pela Lusa, António Guterres enfatiza a colaboração com a Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) e outros actores internacionais.

Formado em radiojornalismo, com passagem por órgãos de comunicação social públicos e privados. Possui formação internacional em Comunicação e Multimedia. Estudante do curso superior de Gestão/Comunicação e Marketing.