Connect with us

Mundo

OMS denuncia mortes de crianças por desnutrição em Gaza

Published

on

A desnutrição sem precedentes que se vive em Gaza já causou a morte de quinze crianças.

A informação foi avançada pelo chefe-adjunto do gabinete da OMS, Ahmed Dahir, que disse que dez crianças morreram recentemente no hospital Kamal Adwan, local que visitou no fim-de-semana passado para fazer chegar ajuda humanitária, nomeadamente material médico.

A morte de outras cinco crianças devido a desnutrição e desidratação foi relatada em outros locais do enclave palestiniano, palco de uma guerra entre Israel e o grupo islamita Hamas desde 07 de Outubro de 2023.

Dahir disse que testemunhou o caso de duas crianças gravemente desnutridas a serem tratadas durante a sua missão, que foi a primeira a levar ajuda a este hospital.

O hospital Kamal Adwan, localizado na zona do enclave mais devastada pela guerra, apesar dos danos nas suas infra-estruturas, da destruição de alguns dos seus edifícios, da escassez de material médico e da falta de combustível e electricidade, voltou a funcionar.

Sendo que “os pacientes e a equipa médica sobrevivem com uma refeição por dia”, disse Dahir.

A OMS pediu mais uma vez a Israel que facilite o acesso à ajuda humanitária, bem como ao combustível, sem o qual não pode ser gerada a electricidade necessária para áreas críticas, sejam unidades de cuidados intensivos ou de enfermagem.

Colunistas