Connect with us

Justiça

Norberto Garcia já é detido ilegal

Published

on

Com o prazo da prisão domiciliária como medida de coação pessoal aplicada pelo Tribunal Supremo, a crer numa fonte forense, Norberto Garcia encontra-se neste momento numa situação ilegal, porquanto o prazo de 60 dias de prisão domiciliar do também, ex-porta-voz do BP do MPLA e PCA da UTIP, Norberto Garcia, e do brigadeiro na reserva José Arsénio Manuel, arrolados no processo da «Burla Tailandesa», esgotou-se no passado dia 18 deste mês, sem que, para o efeito é até o momento os juízes da causa tivessem prorrogado a prisão ou trocada a medida de coação, prevista na Lei.

A fonte considera «estranho» o silêncio dos órgãos judiciais em relação ao esgotamento do prazo quando a mesma justiça teve uma atitude diferente no processo que envolve o filho do ex-PR Zenú dos Santos.

Recorde-se que a prisão preventiva do antigo PCA do Fundo Soberano foi prorrogada esta semana por um período de 25 dias em obediência a mesma Lei que as de determina.

Colunistas