Connect with us

Desporto

“Não errei”, diz Gibelé sobre dispensa da Selecção Angolana de Futebol

Published

on

A Federação Angolana de Futebol emitiu um comunicado na tarde desta segunda-feira, 03, a informar que Gibelé foi hoje dispensado da Selecção Nacional.

“O pré-seleccionado, extremo, Deivi Miguel Vieira, mais conhecido como Gilberto (e Gibelé na actualidade), foi hoje dispensado da Selecção de Futebol de Angola, passadas 48 horas do limite para a apresentação dos pré-convocados, jogadores do Atlético Petróleos de Luanda (APL), que haviam jogado no fim-de-semana”, diz o comunicado ao qual o Correio da Kianda teve acesso.

Segundo a FAF, em causa estaria a ausência de Gibelé na concentração: “até o meio da tarde desta segunda-feira, 03 de Junho, o avançado Gibelé ainda não compareceu na concentração dos Palancas Negras, nem contactou com o Departamento das Selecções Nacionais, comunicou, ou fez chegar alguma nota à FAF ou à Concentração da Selecção Nacional de Futebol “PALANCAS NEGRAS”.

E o jogador já reagiu. Nas suas redes sociais, Gilberto disse que vem sendo alvo de “tentativa de boicote da sua carreira”.

“Foi comentado que já não faço parte da lista da convocatória da selecção angolana por motivos de ausência nos treinos. Eu desminto isso. A vida é feita de oportunidades, quando aparece são os mesmos que deveriam nos dar garra, mas ao contrário disso são eles que querem me tirar e cobrem tudo por trás das câmaras”, alegou, sem, entretanto, citar nomes.

Conhecido como filho do Cazenga, em Luanda, Gibelé ficou amplamente popular após perfomance e animação da equipa nos últimos jogos dos Palancas Negras.

Contudo, o jogador escreveu que sente “que o que foi conquistado até aqui, não agrada todos”.

“Se dependesse deles hoje eu já nem estaria em campo porque a felicidade deles é me verem no vácuo”, escreveu e voltou a afirmar:

“Não errei, não faltei aos treinos, não faltei respeito, mas sou o alvo de tudo. Os que poderiam me agenciar da melhor forma são os que querem me ver a cair”, alegou.

Continue Reading
3 Comments

3 Comments

  1. Pingback: Pedro Gonçalves reintegra Gibelé à convocatória da selecção nacional - Correio da Kianda - Notícias de Angola

  2. Sangi

    05/06/2024 at 12:19 am

    Para mim, acho que o jovem Gibelé é um bom líder da nossa seleção e além disso tem um estilo que deslumbra a nossa seleção. Este jovem talentoso e cheio de futuro tinha que estar presente para ganhar mais experiência com seus colegas para garantir um bom futuro da nossa seleção nacional. Realmente para mim é um arrependimento pela expulsão dele realmente o motivo não estou convencido

  3. Fernando pio Gourgel

    05/06/2024 at 12:44 am

    A velha história de sempre, parem com isso, ser estrela não é mau, pelo contrário é muito bom, cativa os mais novos e dá-lhes um exemplo a seguir.
    Contactaram o o jogador antes de tomarem esta medida? Falaram com ele?
    Os únicos prejudicados somos nós Angola, este rapaz dá vida e transmite esperança.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Colunistas