Connect with us

Sociedade

Nagrelha enterrado “às pressas” por força do vandalismo no cemitério

Published

on

Diferente do que estava previsto, o enterro de Nagrelha foi obrigado a ser feito às pressas, por força do vandalismo que se verificou, tanto no percurso do cortejo fúnebre, como no exterior do cemitério da Santa Ana, quando o corpo já se encontrava dentro do Campo Santo.

A queima de pneus, confusão por parte de grupos rivais no exterior do cemitério da Santa Ana, levou, inclusive, a retirada da Weza às pressas, esposa de Nagrelha, e família Mendes, do músico, que, orientados pela Polícia, temendo o pior, não puderam assistir até ao fim o descer de terra ao túmulo de Nagrelha.

O cenário mereceu condenação de vários cidadãos, como de músicos também, é o caso de Bruno King, que ainda no interior do cemitério, condenou os actos protagonizado pelos fãs do Músico Nagrelha.

“Quem é fã de verdade, não faz este vandalismo que estamos a ver ali fora”, repudiou.

Funeral de Nagrelha marcado por queimas de pneus, arremesso de pedras a polícias e fortes vandalismos

 

Continue Reading
1 Comment

1 Comment

  1. Loozap

    22/11/2022 at 3:34 pm

    O mundo está ficando muito perigoso hoje em dia

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *