Connect with us

Desporto

Dez jogadores do Burundi desaparecem do mundial de andebol

Published

on

Um grupo de 10 atletas da Selecção de andebol do Burundi está incontactável desde quarta-feira, do local em que estavam concentrados para o mundial de andebol que decorre na Croácia e o jogo contra os anfitriões foi cancelado.

A seleção sub-19 de andebol do Burundi tinha agendado um jogo diante do Bahrain, que se iria realizar na tarde de quinta-feira, mas o mesmo não teve lugar. O encontro na Croácia foi suspenso por falta de comparecimento.

De acordo com a imprensa croata dez jogadores da equipa que viajou desde África desapareceram sem dar mais informações. Segundo o departamento de Polícia de Primorje-Gorski Kotar, o grupo de jovens deixou a Universidade de Rijeka, onde estava alojado, na passada quarta-feira, pelas 15h30 e está em parte incerta. Ninguém tem atendido os telemóveis.

Entretanto, a Federação Internacional de Andebol emitiu um comunicado no qual confirma a exclusão da selecção do Burundi desta prova, informando ainda que o encontro com o Bahrain, previsto para as 14h00 de quinta-feira, foi cancelado.

Refira-se que o Burundi é um dos países mais pobres de África, sendo muito provável que este grupo de jovens tenha desertado, situação que acontece com frequência com atletas cubanos.

Angola também já viveu experiências desta natureza, com atletas de box e de basquetebol a desaparecem do seio dos colegas em París (França) e Lisboa (Portugal), respectivamente.