Connect with us

Desporto

Mundial de Qatar: as últimas curiosidades de A a Z

Published

on

Amanhã inicia a maior prova do futebol mundial. Todas as atenções estarão viradas ao Qatar. O jogo de abertura vai opor a selecção anfitriã com a sua similar do Equador, antes espera-se uma cerimónia de abertura de “arrepiar”, segundo a organização, onde estarão presentes, várias individualidades ligadas a modalidade rainha e não só.

Na senda das curiosidades com as letras do alfabeto, hoje, levaremos até si as últimas letras, de V a Z, o que não se significa o término das curiosidades deste campeonato do mundo .

Siga:

V – Videoárbitro – Outra novidade associada ao Mundial do Qatar é a utilização de uma tecnologia semiautomática que alerta a equipa no videoárbitro (VAR) para situações de fora de jogo. O sistema recorre a uma tecnologia que tem por base a animação 3D, usa 12 câmaras montadas sob o teto do estádio para rastrear a bola e até 29 pontos de dados de cada jogador individual, 50 vezes por segundo, calculando a sua posição exata em campo.

X – Xeque – O actual Emir do Qatar é o xeque Tamim bin Hamad Al Thani. Subiu ao trono aos 33 anos, em 2013, depois do pai ter abdicado. O chefe supremo possui o poder de nomear e destituir o primeiro-ministro e ministros que, juntos, compõem o Conselho de Ministros, órgão responsável pela legislação. É um grande adepto do desporto, tendo fundado, em 2005, a Qatar Sport Investments, dona do clube francês Paris Saint-Germain.

Z – “Zonas de Tolerância” – Por lei, no Qatar, só é permitido o consumo de bebidas alcoólicas nos restaurantes de hotéis e nos bares devidamente licenciados. Mas, para o Mundial, foram criadas “zonas de tolerância” onde será possível beber uma cervejita. Os locais de venda vão estar restritos ao perímetro dos estádios e só vão funcionar antes e depois das partidas, contra apresentação de bilhete para os jogos. Dentro dos estádios vão estar à venda apenas bebidas sem teor alcoólico.