Connect with us

Angola

Moxico: alunos acordam às 4 horas para disputar carteiras vazias na escola

Published

on

A única escola do ensino primário da Comuna de Cassamba, Município do Luachazes, província do Moxico, tem vinte carteiras para seiscentos e dezasseis alunos matriculados.

A situação obriga os alunos a chegarem à escola às quatro horas da manhã, para disputar uma carteira. A escola também necessita de, no mínimo, mais dez professores.

“Todos os alunos, acordam 4 horas para virem ocupar carteiras. Todos os dias você encontra os alunos estão a se bater, por causa das carteiras”, disse, à Rádio Nacional de Angola, Livingui Zimbo, que responde pelo sector da Educação na comuna de Cassamba, município dos Luchazes.