Connect with us

Mundo

Moscovo acusa Kiev de ter abatido avião com prisioneiros ucranianos

Published

on

O presidente da câmara baixa do parlamento russo (Duma) acusou esta quarta-feira, 24, a Ucrânia de ter abatido um avião IL-76 que transportava 65 prisioneiros ucranianos.

O Governo russo disse que um avião de transporte militar IL-76, com 74 pessoas a bordo, incluindo 65 ucranianos para uma troca de prisioneiros, se despenhou hoje na região de Bolgorod, perto da fronteira ucraniana.

Volodin anunciou que a Duma irá preparar um apelo ao Congresso dos Estados Unidos e ao Parlamento Federal da Alemanha para que se descubra que mísseis poderão ter causado a queda do avião.

O chefe da Duma disse que a iniciativa se destina a que os congressistas norte-americanos e os deputados alemães “possam finalmente ver quem estão a financiar e quem estão a ajudar”.

“A aeronave foi atingida pelas Forças Armadas da Ucrânia a partir do povoado de Liptsy, na região de Carcóvia, usando um sistema de mísseis antiaéreos. Sistemas de radar da Força Aeroespacial da Rússia detectaram o lançamento de dois mísseis ucranianos”, escreve o Ministério da Defesa russo, acrescentando que todos os ocupantes da aeronave morreram.

Formado em radiojornalismo, com passagem por órgãos de comunicação social públicos e privados. Possui formação internacional em Comunicação e Multimedia. Estudante do curso superior de Gestão/Comunicação e Marketing.